• Últimas notícias

    terça-feira, 15 de agosto de 2017

    Acusado de matar tio é preso após tentar matar a companheira e incendiar a casa



    nvestigadores da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), sob o comando do delegado Gustavo Coutinho, cumpriram o mandado de Prisão Preventiva, na manhã desta terça-feira (15-08-17), contra a pessoa de Deraldo Assis da Pureza. Ele é acusado de matar o próprio tio, Joilson Lima da Silva Lucena. Deraldo foi preso em flagrante por uma equipe do PETO 66, na noite de segunda-feira, após tentar matar a companheira Juciara Lima de Melo e também ter tentado incendiar a casa.
    Segundo a polícia, a Delegacia de Homicídios de Feira de Santana cumpriu, na manhã desta terça-feira, a Prisão Preventiva de Deraldo Assis, o qual matou com um tiro no olho o tio Joilson Lima, fato ocorrido em 12 de novembro do ano passado, na Rua Inácio Soares Costa, no Bairro Campo limpo.
    Ainda de acordo com a polícia, Deraldo havia sido preso em flagrante logo cedo por uma guarnição da Polícia Militar, a PETO 66ª quando agredia a companheira com uma marreta e uma picareta, além de ter incendiado a residência do casal. O autor, que foi apresentado e autuado em flagrante pela DEAM, responderá agora pelos dois crimes, devendo ser encaminhado ao Presídio Regional de Feira de Santana.
    Saliente-se que Deraldo encontrava-se foragido juntamente com sua companheira Juciara, desde a prática do homicídio e a mesma teria sido o pivô de toda a discussão que ocasionou a morte de Joilson. O autor agora será encaminhado para o presídio regional, onde aguardará o julgamento pelos crimes que cometeu.
    A Prisão em Flagrante
    O PETO 66, após solicitação do Cicom, deslocou até a rua Pássaro Alegre, Lagoa do Subaé, onde avistou a vítima solicitante sendo perseguida pelo seu companheiro agressor, o qual estava de posse de uma picareta. Que foi dada voz de prisão ao indivíduo Deraldo Assis da Pureza, 19 anos, residente no mesmo endereço, o qual possui passagens anteriores por roubo e homicídio.Deraldo já havia agredido a vítima com marretadas na cabeça e no corpo e incendiado a residência da solicitante momentos antes da guarnição chegar ao local. Tanto o indivíduo quanto a picareta foram apresentados à DEAM.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Polícia

    Bahia

    Serrinha