• Últimas notícias

    quarta-feira, 27 de setembro de 2017

    Queimadas: Vereador é acusado de receber Bolsa Família


    O vereador de Queimadas, na região sisaleira da Bahia, Mário Régis das Virgens Barbosa (PTN), o ‘Régis da Ambulância’, é acusado de ter tido a esposa na lista de beneficiários do Bolsa Família na cidade. O caso de possível irregularidade foi denunciado ao Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF) pelo vereador licenciado e atual secretário municipal de Infraestrutura, Obras e Serviços Públicos, Lázaro José dos Santos Silva.
    Em pronunciamento feito na manhã desta quarta-feira (13) na tribuna da câmara de vereadores da cidade, Lázaro afirmou que o vereador recebeu indevidamente mais de R$ 6 mil em recursos do Bolsa Família, programa federal destinado às famílias em situação de pobreza e extrema pobreza, com renda mensal de até R$ 170 por pessoa.
    O vereador Mário Régis durante sessão na Câmara de Queimadas | Foto: Notícias de Santaluz/Arquivo

    Segundo o secretário, a irregularidade teve início em 2010 quando Mário Régis, que é funcionário concursado da prefeitura, ainda nem era vereador, mas não atendia aos critérios estabelecidos pelo programa de transferência de renda, conforme denúncia. Mesmo assim, de acordo com dados apresentados por Lázaro José, e que podem ser conferidos no Portal da Transparência da Controladoria Geral da União, a família de Régis da Ambulância, que está em seu segundo mandato, continuou recebendo benefícios do Bolsa Família após ele ter tomado posse, o que é proibido. Os recebimentos irregulares continuaram até abril de 2014, quase um ano e meio após o vereador ter assumido o cargo. O caso deve ser investigado pela Polícia Federal.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Polícia

    Bahia

    Serrinha