• Últimas notícias

    terça-feira, 31 de outubro de 2017

    Lutadora de Jiu Jitsu que estava gestante é assassinada no bairro da Paz


    A lutadora Aline Lima Simas, 17 anos, foi assassinada na madrugada desta segunda (30-10-17), por volta de meia-noite, no Bairro da Paz, nas proximidades da divisa com o bairro Piatã. O crime aconteceu na rua da Gratidão, ao lado da Escola Mestre Paulo. Aline era lutadora de Jiu Jitsu e trabalhava como voluntária em uma ONG, que ajuda jovens carentes.
    Segundo informações da polícia, Aline estava no interior de sua casa, quando recebeu um telefonema, no qual familiares informaram que seriam um homem que a mesma mantinha relacionamento amoroso. No momento que ela encontrava essa pessoa, foi alvejada com 12 tiros de pistola. Ela não resistiu e morreu no local, a mesma estava gestante.

    Ainda de acordo com a polícia, informações foram passadas, de que, o namorado dela, não estava aceitando a gravidez, por causa disso, planejou a sua morte. Há uma outra hipótese, de que um traficante da região do bairro da Paz, teria ordenado o crime, o mesmo que mandou matar o irmão dela Jean Lima Simas, 22 anos, no último sábado (28-10-17), em Feira de Santana.

    O crime já esta sendo investigado pela Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), de Salvador. Provavelmente trabalhará nas investigações em parceria com a DHPP de Feira de Santana, para saberem se os dois homicídios que vitimaram os irmãos, tem relacionamento um com outro.

    Morte do Irmão da Lutadora

    O soteropolitano Jean Lima Simas, 22 anos, que residia em Salvador foi assassinado com vários tiros, no final da manhã deste sábado (28-10-17), por volta de 11h30, nas margens da Avenida Eduardo Froes da Mota, a conhecida Contorno, nas proximidades do posto de combustíveis Trevo, no bairro Tomba, em Feira de Santana.
    Segundo a polícia, ele estava às margens no Anel de Contorno, próximo ao Posto Trevo e ao Corpo de Bombeiros, no bairro Tomba, quando três homens que estavam em um veículo Corsa Táxi prata chegaram e disparam os tiros, acertando cabeça e tórax. A vitima não resistiu e morreu no local, enquanto os assassinos fugiram no Táxi.

    Ainda de acordo com a polícia, Jean estava em Feira para receber R$ 150 reais, de uma quantia total de R$ 2.500. Policiais do Serviço de Investigação da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), juntamente com peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), compareceram ao local do crime, onde realizaram o levantamento cadavérico e iniciaram as primeiras investigações.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Polícia

    Bahia

    Serrinha