Últimas notícias

Moro queria destruir a elite política. Conseguiu’, diz Cunha

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Câmara
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Câmara

O ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), atacou o juiz federal Sergio Moro, em entrevista à revista Época. Na primeira entrevista desde que foi preso, o peemedebista provocou o magistrado responsável pela Operação Lava Jato na 1ª instância.
“Nós temos um juiz que se acha salvador da pátria. Ele quis montar uma operação Mãos Limpas no Brasil – uma operação com objetivo político. Queria destruir o establishment, a elite política. E conseguiu”, disparou.
Ele falou também sobre a negociação frustrada de delação com o então procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e do que considera uma clara perseguição judicial contra ele.
Cunha se colocou à disposição da sucessora de Janot, Raquel Dodge, para voltar a negociar sua delação, talvez a única saída viável para escapar da cadeia – ele foi condenado em primeira instância e responde a processos por corrupção em Curitiba, Brasília e no Rio de Janeiro