Últimas notícias

Mineiros acusados de estelionato contra 31 vítimas em Salvador são presos

André Luís da Silva, de 24 anos, e Rondinelli Batista Antônio, 30, tiveram a prisão temporária cumprida por equipes da 16ª Delegacia Territorial (DT), da Pituba, na manhã desta segunda-feira (17). A dupla é natural de Belo Horizonte e é acusada de cometer golpes utilizando cartões de crédito e bancários, depois de obter dados pessoais das vítimas por ligação telefônica.
A titular da 16ª DT/Pituba, delegada Maria Selma conduziu a apresentação da dupla. “Temos pelo menos 31 ocorrências, registradas desde outubro deste ano. O prejuízo causado por eles está estimado em um valor próximo a R$ 1 milhão”, afirmou.
Os acusados escolhiam vítimas, geralmente idosos, dos bairros da Pituba, Caminho das Árvores e Itaigara. Eles conseguiram subtrair de cada vítima, valores entre R$ 6 mil e R$ 80 mil. Máquinas de cartões de crédito, aparelhos celulares foram apreendidos com André e Rondinelli, em um hotel e uma pousada, respectivamente, no bairro de Itapuã.
Conforme a delegada, a dupla agia com outros homens de Minas Gerais. “As ligações eram feitas por outros integrantes do grupo, diretamente do estado mineiro. Eles informavam que houve uma fraude com o cartão da vítima. A partir daí, conseguiam acesso aos dados da pessoa e informavam que enviariam um motoboy para recolher o cartão, era quando a André e Rondinelli entravam em cena”, explicou.
Os dois serão encaminhados para o sistema prisional. As investigações prosseguem com o objetivo de prender o restante do grupo. “Se trata de uma quadrilha que age nos dois estados. Nós continuaremos apurando para chegar a todos os integrantes”, afirmou a delegada.