Últimas notícias

Laudo aponta que Adélio Bispo ainda planeja matar Bolsonaro e também Temer

-
O laudo que avalia a saúde mental de Adélio Bispo dos Santos, autor do atentado contra o então candidato Jair Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018, aponta que ele ainda pretende matar o atual presidente e também o ex, Michel Temer. As informações são da revista Veja, que publicou uma reportagem depois de ter acesso aos documentos.
De acordo com a publicação, os médicos que examinaram Adélio afirmaram que o garçom sofre de uma “doença psicótica grave”. A Polícia Federal já havia colhido evidências que colocavam em dúvida a sanidade mental do autor do atentado. Em depoimento, Adélio afirmou que “ouviu a voz de Deus dizendo que somente ele poderia salvar o Brasil da destruição”.
Ainda segundo a polícia, a motivação do crime seria por Adélio acreditar que Bolsonaro seja maçom e que por isso “entregaria as riquezas do país ao Fundo Monetário Internacional, aos próprios maçons e à máfia italiana”. Aos médicos, Adélio disse que ao sair da cadeia ainda  mataria o ex-presidente Michel Temer, por também fazer parte da “conspiração maçônica”. Ele está preso numa unidade de segurança máxima de Campo Grande (MS). Em carta enviada aos advogados, pediu transferência do local por estar carregado “energias satânicas”. (VN)