Últimas notícias

Pai trocou carro por arma e vingou a morte do filho: “estou com a alma lavada”

“Primeiro ele riu na minha cara quando perguntei por que tinha matado meu filho. Daí, troquei meu carro por uma arma, dei mais um dinheiro, voltei e dei um tiro na cabeça dele. Sei que não podia fazer isso, mas estou com a alma lavada”, disse Florisvaldo da Silva ao justificar o assassinato de Lincon Rodrigues, de 21 anos. O jovem teria matado o filho de Florisvaldo, João Pedro Bento da Silva, de 23, com 11 facadas em Almirante Tamandaré, na região metropolitana de Curitiba, no estado do Paraná.
Florisvaldo está preso e deverá ser submetido ao júri popular. Na delegacia, ele disse ainda que não espera perdão e está pronto para pagar pelo crime cometido. As duas vitimas foram atingidas no dia 1 de Abril. Lincon, o assassino de João Pedro, morreu um dia depois, na noite de quinta-feira (02/05).