Últimas notícias

Secretário de Segurança Pública da Bahia se mostra favorável à descriminalização da maconha

O secretário de Segurança Pública do Estado da Bahia, Maurício Teles Barbosa, se mostrou, em entrevista concedida ao jornalista Bob Fernandes, mais uma vez favorável à descriminalização do maconha no Brasil como forma de quebrar o faturamento das facções e diminuir a violência relacionada ao tráfico.
“Acredito que a guerra pela guerra, sem que haja uma adoção de uma política educacional, informar ao jovem e às pessoas os malefícios da droga; tirando esse mercado consumidor da mão do crime organizado, nós não vamos achar que é na bala que vamos conseguir evitar a entrada dessa droga. Então, a minha visão é da adoção de uma política pública de saúde, que acompanhe a atuação da atividade policial à drogas mais pesadas, tirando esses recursos da mão do crime organizado”, afirmou.
Maurício Barbosa também falou sobre a influência dos milicianos no poder público e citou o Rio de Janeiro como exemplo negativo.
“Em alguns Estados, a criminalidade organizada chega à um nível pré-mafioso e até mafioso, de uma interferência muito grande nas organizações públicas e nos assuntos de Estado. Por exemplo o domínio de milicianos em determinadas localidades do Rio de Janeiro induzindo o voto. E a colocação de representantes nas câmaras e nas assembleias de pessoas que são ligadas a criminalidade organizada. Isso é muito perigoso”, comentou.
Maurício Barbosa está à frente da Secretaria de Segurança Pública da Bahia há quase oito anos e atualmente é líder d Colégio Nacional de Secretários.