Últimas notícias

Pan-2019: natação chega para levar Brasil de volta à vice-liderança do quadro de medalhas

Medina

O Time Brasil estava à espera, e a natação realmente não decepcionou. No primeiro dia de provas da modalidade no Pan de Lima-2019, os nadadores conquistaram três ouros e seis pódios no total para levar a delegação nacional de volta à segunda colocação no quadro de medalhas. A vantagem para o Canadá agora é precisamente de três medalhas douradas. Eles fizeram a diferença.

A conquista mais aguardada foi a do revezamento 4x100m livre masculino, na qual o país chegou ao hexacampeonato. É o maior período de hegemonia do esporte brasileiro nos Jogos, igualando façanha da seleção de handebol feminino. O quarteto ainda quebrou o recorde do evento, para ter mais história para contar.

Além disso, Leonardo de Deus, que só chegou a Lima de última hora graças a um corte por doping e depois de embate de bastidores, se sagrou tricampeão nos 200m borboleta. João Gomes Júnior, por sua vez, comemorou seu primeiro ouro aos 33 anos. E suspirou: para ele, o Pan era como se fosse um assombro. Agora virou uma memória inesquecível.

Fora da piscina, os brasileiros ainda celebram uma jornada produtiva no atletismo e também o primeiro ouro via tênis de mesa.