Últimas notícias

Serrinha: Conhecimento e diversão marcam a Feira Biosertão




Sustentabilidade, alimentação saudável e inclusão social serviram de inspiração para a realização da Feira BIOSERTÃO, proposta idealizada pela promotora pública Letícia Baird, que teve total apoio da Prefeitura Municipal de Serrinha. Centenas de alunos de escolas públicas do município, profissionais da Educação, Saúde, Agricultura e Meio Ambiente compareceram, nesta terça-feira (20), à Escola Municipal Maria Áurea Pimentel Ferreira, localizada no bairro da Cidade Nova, para participarem do evento que ocorreu das 8h às 17h30.

A Feira BIOSERTÃO objetiva promover educação nutricional, alimentar, ambiental e, ainda, possibilitar a integração com a comunidade e a agricultura familiar. As ações promovidas durante o evento ocorreram por meio da parceria entre o Ministério Público do Estado da Bahia e as secretarias de Educação, Saúde e Meio Ambiente, que desenvolveram atividades diversificadas com o intuito de atender necessidades de alunos, professores e servidores da Rede Municipal de Ensino. O público-alvo principal da Feira são as escolas que fazem parte do Programa Escola Sustentável, representantes da agricultura familiar e a comunidade local.

A secretária de Educação de Serrinha, Maria Betânia Pereira, salientou que: “O objetivo maior é conscientizar nossos alunos na importância de se alimentar bem tanto na escola como na vida familiar em casa”. Já o secretário de Agricultura, Silvaney Santiago, falou sobre a satisfação de participar do evento, que é um marco na história do município. “O dia de hoje é um dia que vai marcar a história de Serrinha, porque vamos mostrar para vocês, através dos profissionais competentes, qual é a importância de se ter uma alimentação saudável”, explicou.

A promotora de Justiça Letícia Baird começou agradecendo aos gestores que abraçaram a realização do evento e enfatizou o papel do Programa Escola Sustentável, afirmando que ele propõe a inclusão. "A inclusão de todos os seres humanos, natureza, animais na discussão sobre a saúde humana e planetária", frisou a promotora.

Baird falou, também, sobre a importância da BIOSERTÃO e sobre o Programa Escola Sustentável. "O Programa Escola Sustentável também me permite como promotora trabalhar o conceito mais amplo de justiça. Justiça em todos os sentidos; justiça para o aluno que tem o direito à alimentação escolar; justiça com relação ao uso racional dos recursos públicos; justiça ao pequeno produtor rural, que tem na alimentação escolar uma oportunidade de renda; justiça à natureza, através da escolha alimentar com baixo impacto ambiental", disse.

A programação, que se estendeu por todo o dia, foi variada e contemplou abertura com momento de atividade física e apresentação de dança do SCPM Leobino Cardoso Ribeiro. O grande público que compareceu ao evento pôde usufruir, ainda, de práticas de pilates, ioga e relaxamento, criação e atualização dos cartões do SUS, testes rápidos e atualização vacinal, atendimento ambulatorial, atividades pedagógicas, orientações e encaminhamentos, jogos e brincadeiras, sala de cinema, premiação dos concursos, apresentação do cantor Izaias Moreno e da Quadrilha Arraiá do Vitória.



Fotos e informações: ASCOM / PMS