Bahia vence Athletico-PR e deixa a zona de rebaixamento - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Bahia vence Athletico-PR e deixa a zona de rebaixamento

 


Bahia e Athletico-PR se enfrentaram na noite desta quarta-feira (20) na Arena Fonte Nova, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Precisando do triunfo para sair da zona de rebaixamento, o Esquadrão aproveitou uma das poucas chances que teve no jogo e voltou a vencer no certame nacional após 10 rodadas. O jogo terminou com o placar de 1×0, gol assinalado por Thiago.

Primeiro Tempo


A primeira etapa da partida começou e terminou da mesma forma: morno. As únicas chances de gol do primeiro tempo aconteceram aos 15′, para o Athletico-PR, com Christian chutando de fora da área e a bola indo por cima do gol. O Esquadrão chegou apenas aos 38′, em chute de fora da área de Matheus Bahia que também foi para fora.


Segundo Tempo

Na segunda etapa o jogo foi mais movimentado. O primeiro lance de perigo foi logo no primeiro minuto, com Nino chutando de fora da área e a bola passando ao lado da trave. O CAP chegou aos 11′ com Carlos Eduardo chutando cruzado dentro da área, Douglas se esticou e jogou para escanteio.

O gol do Tricolor veio aos 19′. Gregore lançou Rossi em contra-ataque, o camisa 11 ganha na corrida e cruza para Thiago completar para o gol aberto. O cria da base do Esquadrão teve uma nova chance aos 29′, a bola sobra para ele após escanteio, mas o atacante chuta por cima do gol.

O resultado tirou o Bahia da zona de rebaixamento. O Esquadrão somou seu 32º ponto, chegando na 15ª posição na tabela de classificação, três pontos acima do primeiro time do Z4, o Fortaleza.


FICHA TÉCNICA


Bahia x Athletico-PR

Data: 20/01/2021

Local: Arena Fonte Nova


Bahia: Douglas; Nino, Ernando, Juninho e Matheus Bahia; Gregore, Ramon (Ronaldo) e Fessin (Rossi); Ramirez (Edson), Thiago (Alesson) e Gabriel Noves (Rodriguinho). Técnico: Dado Cavalcanti.


Athletico-PR: Santos; Jonathan (Zé Ivaldo), Pedro Henrique, Thiago Heleno e Khellven; Alvarado (Bruno Leite), Christian e Jadson; Vitinho (Reinaldo), Carlos Eduardo (Walter) e Renato Kayzer (Bissoli). Técnico: Paulo Autuori