Sargento transportou cocaína em aviões da FAB ao menos 7 vezes, diz PF - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Sargento transportou cocaína em aviões da FAB ao menos 7 vezes, diz PF

 


O sargento da FAB (Força Aérea Brasileira), Manoel Silva Rodrigues, preso na Espanha, traficou cocaína em pelo menos em sete viagens oficiais antes do esquema ser descoberto, em junho de 2019. 

Naquela ocasião, Rodrigues foi pego pela polícia espanhola carregando 37 kg de cocaína ao desembarcar em Sevilha em um avião de apoio da comitiva do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

As informações foram obtidas pelo UOL com base em um documento da Polícia Federal. A investigação da PF aponta ainda que o esquema continuou com a participação de outros militares brasileiros, mesmo depois da prisão do sargento. 

Nas sete viagens oficiais, o sargento trocou mensagens cifradas com a esposa identificada como Wilkelane Nonato Rodrigues. Ele realizou quatro voos domésticos (São Paulo e Recife) e três internacionais com escalas na Espanha, onde a droga era entregue. 

De acordo com a PF, o casal passava por problemas financeiros e acumulava diversas dívidas. Depois que o transporte da droga começou a ser feito, eles melhoraram de vida e chegaram a comprar uma moto modelo Honda NC-750-X por R$ 32.900. Além disso, os dois gastaram R$ 26 mil na reforma de um apartamento.