Últimas notícias

Presidência gasta R$ 8,5 milhões por ano com serviço de copa

Copeiragem para atender regalias da Presidência custa caro para os cofres públicos
Copeiragem para atender regalias da Presidência custa caro para os cofres públicos
A Presidência da República está “bem servida” durante o ano. O órgão tem um contrato de R$ 8,5 milhões para a prestação de serviço de copeiragem, para atender as necessidades da Presidência da República e os órgãos a ela vinculados. O valor inclui o fornecimento de todo o material de consumo e utensílios de copa.
Ao todo, são 152 empregados divididos entre garçons e garçonetes, copeiras, auxiliares de serviços gerais e encarregados pelos serviços. A empresa contratada para o serviços é a WR Comercial De Alimentos E Servicos Ltda.
Seguro
A Presidência reservou R$148,2 mil para serviços de seguro total dos veículos e seus equipamentos, pertencentes à Presidência da República, que se encontram à disposição para circulação no Distrito Federal e entorno, nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, e Pará.                                                                          
Elevadores
O Senado Federal, por sua vez, assegurou o funcionamento dos elevadores. Foram empenhados R$ 444,3 mil para contratação de empresa especializada para prestação de serviços de substituição completa e de assistência técnica (incluindo manutenção preventiva e corretiva com fornecimento de peças e materiais novos e originais) em quatro elevadores no edifício Anexo I, cinco elevadores no edifício Anexo II e um; elevador no Edifício Principal da Casa, em Brasília.
Água
O Senado também separou R$ 29,5 mil para a compra de garrafões de água. Foram adquiridos 7,5 mil garrafões de água mineral natural, que deverá ser entregue em garrafões de 20 litros, plenamente preenchidos, munidos de lacre de inviolabilidade intacto, evidamente lacrados, atóxicos e inodoros, sem vazamentos ainda que deitados.

Contas Abertas