Últimas notícias

Serrinha – Procissão do Fogaréu completou 88 anos

Um verdadeiro espetáculo pode ser visto na procissão, principalmente na subida do monte onde a pouca iluminação artificial (luz elétrica) perde espaço para a luz de vela formando uma longa fila com mais de 10 mil pessoas.
Catedral de Santana | Foto: Raimundo Mascarenhas
A cidade de Serrinha no território do sisal realiza uma das mais antigas manifestações religiosas da Bahia e também do Brasil neste período da semana santa. A Procissão do Fogaréu criada pelo padre Carlos Ribeiro no ano de 1930, portanto, este ano completou 88 anos.
Subida da serra com as velas deixa um cenário muito bonito | Foto: Raimundo Mascarenhas
A Diocese de Serrinha vem seguindo uma programação desde o domingo de ramos e nesta quinta-feira santa aconteceu a procissão do fogaréu após a celebração da missa do lava pés. Com um percurso de aproximadamente 3 quilômetros da Catedral até a Colina de Santana, a procissão encerrou no alto da colina sagrada onde aconteceu a encenação teatral da paixão e morte de Jesus Cristo.
Encenação na parte alta da serra possibilita boa visibilidade para todos | Foto: Raimundo Mascarenhas
Um verdadeiro espetáculo pôde ser visto na procissão, principalmente na subida do monte onde a pouca iluminação artificial (luz elétrica) perdeu espaço para a luz de vela formando uma longa fila com mais de 10 mil pessoas.
Redação CN