Últimas notícias

Operação Adsumus: MP-BA abre inquérito para investigar irregularidades em Candeias


Ao BNews, o MP-BA informou que o órgão quer apurar possíveis atos de improbidade administrativa cometidos na prefeitura. Promotor responsável pelo caso, Thiago Lisboa Bahia disse que não poderia dar detalhes sobre as investigações para não prejudicá-las, já que ainda estão no início.
O objetivo com o inquérito é colher informações sobre as supostas práticas ilegais. A portaria que informa a instauração das apurações foi publicada no Diário da Justiça desta quinta-feira (31).
A Operação Adsumus investiga fraudes em licitações nas cidades de Santo Amaro e Muritiba. Só em Santo Amaro, o esquema liderado pelo ex-prefeito Ricardo Machado teria provocado desvios de R$ 20 milhões ao erário. 
Segundo o MP-BA, em Muritiba, foram descobertas irregularidades em contratos relacionados à coleta de lixo, praticadas entre 2013 e 2016. Para manter o esquema, era paga mesada para manutenção dos contratos. A força-tarefa da operação chegou a descobrir pagamentos de até R$ 4 milhões de forma criminosa. Já em Santo Amaro, a quadrilha atuava no ramo de combustíveis entre 2012 e 2016. 
Acusado de participar do esquema de corrupção desbaratado pela Operação Adsumus, o ex-vice-prefeito de Santo Amaro Leonardo Pacheco (PSB) chegou a fechar acordo de delação com o Ministério Público, homologado pela Justiça.
Na colaboração, ele teria apresentado provas que apontam participação de Machado e empresários que operavam propina sobre licitações e contratos fraudados