Últimas notícias

Goleiro de time da Série A ameaça ex-mulher com faca e rouba celulares

O goleiro da Chapecoense Gilsivan Soares da Silva, conhecido como Ivan Soares, é procurado pela polícia por suspeita de roubar os celulares de sua ex-namorada e de um outro homem, além de ameaçar uma das vítimas com uma faca. O caso aconteceu no município mineiro de Espinosa, há 699 km da capital, Belo Horizonte.
O atleta, de 35 anos, teria ido até a cidade para retomar o relacionamento com sua ex, mas suspeitou que ela estava em um relacionamento com outro rapaz de 21 anos. O jovem contou que passava pela rua, quando Gilsivan o parou, a bordo de um carro e ameaçou puxar uma arma do porta-luvas, obrigando o rapaz a entregar o celular. Logo após o ocorrido, a vítima procurou a polícia para o registro de ocorrência.
Em seguida o goleiro teria ido até um salão de beleza, onde estava a ex-namorada. Ele entrou no local e pediu o celular da mulher. Ela contou que foi forçada a entregar o aparelho com uma faca no pescoço. O goleiro saiu do salão com o celular mas voltou ao estabelecimento pedindo a senha para acessar o aparelho, mas a mulher se recusou a digitar os números. Gilvan então a imobilizou e pôs novamente a faca no seu pescoço, forçando a vítima, que cedeu e  digitou a senha.
A dona do salão também foi ouvida e relatou aos militares que a discussão começou repentinamente, e o autor visivelmente foi motivado por ciúmes.
A ex-companheira do atleta também realizou o registro da ocorrência e Gilsivan ainda não foi encontrado. A Chapecoense ainda não se pronunciou sobre o caso.