Últimas notícias

Adolescente morre após dar à luz em hospital de Salvador; família alega negligência

Familiares de uma adolescente, de 17 anos, alegam ocorrência de negligência médica por parte da Maternidade Sagrada Família, que fica no bairro de Monte Serrat, em Salvador.  A jovem teria morrido quatro dias depois de ter recebido alta da unidade médica, onde deu à luz, uma menina, no último dia 30 de abril.
De acordo com os familiares, após o parto, a adolescente foi liberada. Já em casa, por sua vez, passou a sentir fortes dores na região da barriga. Ela retornou à maternidade, ficou internada e um dia depois, no sábado (4/5), morreu. Os médicos teriam alegado que a jovem faleceu por causa de uma inflamação causada pela perfuração em órgão do aparelho reprodutivo, durante o parto.
Não bastasse tal situação, a família se queixa da não liberação do corpo. Eles teriam agendado o enterro para esta segunda (6/5), no cemitério de Plataforma, mas, por conta do entrave burocrático, o sepultamento, ainda, não foi realizado.
Em contato com a assessoria de comunicação do Hospital Sagrada Família, a produção do programa QVP da TV Aratu foi informada que a direção médica da unidade está apurando a situação e, até o momento, não há um posicionamento sobre o caso.