Últimas notícias

Cliente recebe frango cru em pedido após assediar atendente de restaurante


Um cliente recebeu um prato com frango cru após assediar a atendente e sócia do restaurante Kverna do Urso Espetinhos, em Porto Velho, Rondônia, por mensagem no WhatsApp. Segundo informações da revista Marie Claire, o homem pediu coração de galinha e asinhas de frango em um atendimento por telefone com a sócia Gabriela. Em seguida, ela entrou em contato com o cliente por meio de mensagem para perguntar qual deveria ser o ponto da carne.

Em resposta, o homem enviou mensagens de cunho sexual à moça. “Olha, linda, se a galinha tivesse uma voz suave e gostosa como a sua poderia até ser ‘crua’, se é que me entende. (…) Vou deixar você escolher o ponto pra mim, tá? Tenho certeza que você sabe o ponto que eu gosto”, escreveu.

Ao menos 30 minutos após do pedido ser enviado, o cliente entrou em contato novamente com o restaurante e pediu para falar com o dono da empresa, Jeferson Tavares Chaulet, que além de sócio de Gabriela, também é marido dela. Ainda por mensagem, o homem respondeu à reclamação do cliente e afirmou que o pagamento do pedido já havia sido estornado.

“Oi, eu sou o dono. Fico feliz que tenha recebido seu pedido conforme solicitou. Reza a lenda que esta galinha antes de morrer falou ‘pó pó pó’ com a voz suave e gostosa, se é que você me entende. (…) Quer que eu busque o prato de volta? Vou aí na sua residência em 5 minutos com a polícia e te fazer responder por assédio”, afirmou.

Em seguida, o cliente pediu desculpas. “Faz assim, diga a sua colaboradora que eu sinto muito, eu não compro mais da sua empresa e esse assunto se encerra aqui, tudo bem? Vou jogar a comida fora, já vi aqui o estorno do dinheiro”, respondeu.