Judiciário estuda enquadrar Bolsonaro na volta do recesso - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Judiciário estuda enquadrar Bolsonaro na volta do recesso

 

 (crédito: Credito Valter Campanato/Agência Brasil)
(crédito: Credito Valter Campanato/Agência Brasil)

A live do presidente Jair Bolsonaro com uma série de ataques e acusações sem provas de fraudes nas eleições provocou indignação em ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Supremo Tribunal Federal (STF). Integrantes da Corte eleitoral avaliam que o chefe do Executivo pode ser processado, caso apresente formalmente as mesmas alegações que usou na transmissão realizada pelas redes sociais na quinta-feira. O mandatário, por sinal, tem até esta primeira semana de agosto para responder ao ministro Luís Felipe Salomão sobre o motivo pelo qual acusa o pleito de 2018 de ter sido fraudado. O magistrado é o corregedor do TSE.