Bahia: 85 cidades aplicaram 4 mil doses interditadas de vacina CoronaVac; veja lista - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Bahia: 85 cidades aplicaram 4 mil doses interditadas de vacina CoronaVac; veja lista

 

Bahia: 85 cidades aplicaram 4 mil doses interditadas de vacina CoronaVac; veja lista
Foto: Tony Winston/MS

Dos 294 municípios baianos que receberam os lotes da vacina CoronaVac interditados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na Bahia, 85 chegaram a usar as doses cujo o envase não foi comprovadamente feito “em condições satisfatórias de boas práticas de fabricação” (confira a lista dos municípios no fim da página). A Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab) informou que 4.161 doses foram aplicadas, e que, pelo menos até esta terça-feira (28), o Ministério da Saúde não havia enviado um protocolo a fim de orientar a população sobre essas vacinas.

 

No início deste mês, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a distribuição de 42 lotes da vacina da farmacêutica chinesa Sinovac distribuída pelo Instituto Butantan. Desse total, 25 lotes haviam sido enviados aos estados pelo Ministério da Saúde. As remessas equivalem a um total de 12 milhões de doses.

 

O argumento da agência sanitária para a interdição é de que as doses foram envasadas em uma fábrica não inspecionada pela Anvisa (leia mais aqui). Também informou que a decisão foi tomada após a constatação de que os dados apresentados pelo laboratório não comprovam a realização do envase da vacina CoronaVac em condições satisfatórias de boas práticas de fabricação. Mas a agência ressalta que apenas os lotes especificados não devem ser utilizados. Os demais têm segurança, qualidade e eficácia comprovada.

 

O Instituto Butantan, por sua vez, enviou um documento ao órgão em que assegura a segurança e qualidade das vacinas produzidas na fábrica que ainda não foi inspecionada.

 

Na semana passada, a Anvisa divulgou uma determinação para recolhimento dos 25 lotes da vacina CoronaVac que foram interditados (leia aqui). Diante disso, os 294 municípios baianos que receberam os lotes alvo de interdição começaram a ser notificados pelas regionais de saúde para que devolvessem as doses (lembre aqui). 

 

Dessas remessas, três tiveram a Bahia como destino em lotes que chegaram ao estado nos dias 27 de julho e 1º de setembro.

 

A Bahia recebeu três dos lotes interditados e um total de 575.980 doses em duas remessas. Uma chegou ao estado em 27 de julho com 4.700 doses e a outra em 1º de setembro com 571.280. Parte desse total, 234.380 já tinham sido entregues aos municípios. Segundo a Sesab, metade das vacinas já foram recolhidas e a expectativa é que em até 10 dias toda a carga seja devolvida (saiba mais aqui).

 

Arte: Priscila Melo / Bahia Notícias (clique para ampliar)