Com crise hídrica e pandemia, casos de dengue caem 47% e de zika 19% - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Com crise hídrica e pandemia, casos de dengue caem 47% e de zika 19%

 

Com crise hídrica e pandemia, casos de dengue caem 47% e de zika 19%
Foto: Reprodução/Pixabay

O último boletim epidemiológico do Ministério da Saúde aponta que os adoecimentos por dengue diminuíram 47,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Até setembro, dado mais recente, foram 477,2 mil casos. No mesmo período de 2020, tinham sido registrados mais de 700 mil casos.

 

Segundo publicação do Metrópoles, a redução pode estar ocorrendo por uma série de fatores, como as medidas de restrição por causa da Covid-19, a conscientização da população para a mitigação de criadouros do mosquito, o impacto da crise hídrica ou o comportamento sazonal da doença.

 

As infecções por Zika vírus, outra doença provocada pelo Aedes, que causou uma epidemia entre 2015 e 2016, levando o Brasil para as manchetes internacionais, também caíram. Nesse caso, os adoecimentos computados somam 5.361 até setembro de 2021. No ano passado, até o mesmo mês, foram 6,4 mil.