Rádio Web Ferraz

RÁDIO WEB FERRAZ

Últimas notícias

Polícia investiga associação direta da Bamor com atentado e prevê punição severa

  Polícia investiga associação direta da Bamor com atentado e prevê punição severa

Foto: Alberto Maraux / Divulgação SSP

O comandante do Batalhão Especializado de Policiamento em Eventos (Bepe), Elbert Vinhático, diz estar muito clara a participação de integrantes da torcida Bamor no atentado ao ônibus da delegação do Bahia na noite de quinta-feira (24) e acredita que o crime está praticamente elucidado.

“Foi um trabalho integrado entre as Polícias Militar e Civil e conseguimos, graças a Deus, praticamente elucidar o caso”, declarou o comandante do Batalhão Especializado de Policiamento em Eventos (Bepe), Elbert Vinhático.

O oficial lembrou que a torcida Bamor já cumpre uma medida administrativa com suspensão de 60 dias pelo episódio da invasão ao Centro de Treinamento do Bahia, no mês passado. Caso fique comprovado a atuação de membros da torcida no ataque ao ônibus, a organizada sofrerá nova sanção.

“Com esse problema sério, a gente não está vislumbrando um destino bom para a torcida não. Foi um fato gravíssimo, criminoso e com certeza eles serão punidos. A Polícia Civil está realizando uma investigação rigorosa. Comprovada a participação, o Bepe entrará de forma administrativa com uma nova sanção contra a torcida, mediante o TAC que nós temos assinado com o MP e a organizada”, explica.

O Termo de Ajustamento e Conduta (TAC) citado pelo comandante do Bepe prevê punições administrativas quando as torcidas organizadas do estado se envolvem em episódios de violência dentro ou fora dos estádios de futebol.