Rádio Web Ferraz

RÁDIO WEB FERRAZ

Últimas notícias

CCJ da Câmara aprova PEC que acaba com aposentadoria compulsória para magistrados condenados

 

CCJ da Câmara aprova PEC que acaba com aposentadoria compulsória para magistrados condenados
Foto: Billy Boss/ Câmara dos Deputados

A Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (8), a admissibilidade da Proposta de Emenda a Constituição (PEC 163/12) que proíbe a concessão de aposentadoria a magistrados como medida disciplinar. A proposta estava parada na Casa há 10 anos.

 

 

O objetivo da proposta é acabar com a pena de aposentadoria compulsória com salário proporcional ao tempo de serviço, aplicável a juízes acusados de atos de corrupção ou ofensivos à moralidade administrativa.

 

 

O texto da proposta prevê a pena de perda do cargo para juízes que atentarem contra a dignidade, a honra e o decoro de suas funções. Além disso, atribui ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a competência de decretar, via decisão administrativa , a perda do cargo de membros do Poder Judiciário. Atualmente, a exoneração de um juiz só pode se dar por decisão judicial transitada em julgado.

 

 

“Não há dúvida de que há a expectativa do povo brasileiro de que esse tema seja tratado pelo Congresso Nacional”, avaliou o presidente da CCJ, deputado Arthur Maia (DEM-BA), durante sessão de votação na comissão.

 

O relator da proposta, deputado Kim Kataguiri (União-SP) apresentou parecer favorável ao texto. "Não há vício de inconstitucionalidade formal ou material na proposta, bem como foram atendidos os pressupostos constitucionais e regimentais para sua apresentação e apreciação”, diz o parecer.

 

 

Agora, a PEC será submetida a uma comissão especial , que vai avaliar o mérito, e assim seguirá para a última etapa da tramitação, que é ir ao Plenário.