• Últimas notícias

    sexta-feira, 11 de agosto de 2017

    É para reduzir o sedentarismo, diz TRT5-BA sobre contratação de educador físico

    Por meio de nota enviada ao BNews, nesta sexta-feira (11), a assessoria do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA), na Bahia, explicou o motivo da abertura de licitação para contratar empresa com qualificação profissional e com experiência para assessorar magistrados e servidores em aulas de corrida e caminhada, com a inclusão de guia para pessoa com deficiência visual. A vencedora será escolhida pelo critério de menor preço.
     
    “TRT5-BA está adotando medidas de sustentabilidade, voltadas para a economia de recursos públicos, ao incluir práticas de exercícios físicos destinadas ao seu quadro de pessoal, em virtude do número de afastamentos caudados por doenças como depressão, estresse, doenças cardiovasculares e diabetes”, diz trecho do esclarecimento.
     
    O Tribunal ressalta que a “contratação de empresa com experiência e qualificação profissional comprovadas tem como objetivo a promoção da melhoria da condição física e mental dos participantes, a qualidade de vida dos envolvidos, a promoção da saúde e prevenção de doenças, a redução do sedentarismo, com a abrangência no condicionamento físico, envolvendo atividades esportivas de caminhadas, corridas assim como preparar servidores com aptidões específicas na representação do TRT5”.
     

    De acordo com informações publicadas pelo Tribunal, a abertura do processo acontecerá às 13h, do próximo dia 22. O ato administrativo não estipula valores que serão pagos aos profissionais contratados.
     
    Confira nota na íntegra:
     
    O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) está adotando medidas de sustentabilidade, voltadas para a economia de recursos públicos, ao incluir práticas de exercícios físicos destinadas ao seu seu quadro de pessoal, em virtude do número de afastamentos caudados por doenças como depressão, estresse, doenças cardiovasculares e diabates. O projeto segue as diretrizes das Resoluções  CSJT 103/2012 e CNJ Nº 207 de 15/10/2015, alinhada ao Planejamento Estratégico do TRT5, sendo um projeto que integra o Macrodesafio: Promover a melhoria da gestão de pessoas e da qualidade de vida.
     
    Também, em atenção à Resolução CSJT 103/12 e o Guia de Contratações Sustentáveis da Justiça do Trabalho, o objeto deste projeto, integra uma das seis áreas do Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis, qual seja: “qualidade de vida no ambiente de trabalho”. No âmbito do TRT5, o Plano de Logística Sustentável, através da Resolução Administrativa TRT05/2016.
     
    A pretensa licitação destina-se à contratação de empresa com experiência e qualificação profissional comprovadas, para assessorar esportivamente o TRT5, em modelo de atividades físicas voltadas  na definição de princípios, diretrizes, estratégias e parâmetros para a implementação de programas, projetos e ações institucionais à promoção da melhoria da condição física e mental dos participantes, a qualidade de vida dos envolvidos, a promoção da saúde e prevenção de doenças, a redução do sedentarismo, com a abrangência no condicionamento físico, envolvendo atividades esportivas de caminhadas, corridas assim como preparar servidores com aptidões específicas na representação do TRT5 junto as Olimpíadas da Justiça do Trabalho, evento anual que conta com forte compromisso do Conselho Superior da Justiça do Trabalho, Conselho Nacional de Justiça e demais Órgãos integrantes do Judiciário, com sucesso implementado junto ao TRT da 19ª Região.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Polícia

    Bahia

    Serrinha