Últimas notícias

Ronaldinho acumula mais de R$ 17 milhões em dívidas e tem 57 imóveis bloqueados, diz jornal

Medina

O ex-jogador, eleito duas vezes o melhor do mundo, está com 57 imóveis bloqueados, 4 deles penhorados, pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul por causa de multa ambiental de R$ 9,5 milhões. Além disso, tem R$ 7,8 milhões em protestos em 3 cartórios da capital gaúcha. A informação é da Folha de São Paulo. 

Entre março e abril deste ano, Ronaldinho Gaúcho teve 2 protestos, um de R$ 6,3 mi e outro de R$ 1 mi, em razão de dívida ativa de Porto Alegre. No total, Ronaldinho deve, em IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) e TCL (Taxa  de Coleta Domiciliar de Lixo) exatos R$ 9,91 milhões. 

O ex-jogador também é cobrado pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional por R$ 793 mil. Com dois passaportes —ele tem cidadania espanhola— retidos, Ronaldinho não pode deixar o Brasil. O impedimento foi imposto pela Justiça em decorrência do não pagamento de multa determinada pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul.

Em busca de valores em nome de Ronaldinho, a Justiça também intimou Atlético-MG e Nike do Brasil, patrocinadora do ex-atleta, para se manifestarem nos autos.  O time de Belo Horizonte informou que entre 2016 e 2018, pagou R$ 830.165,00 ao ex-jogador pelo rompimento contratual feito em 2014.