Mulher morre após ser torturada por traficantes - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Mulher morre após ser torturada por traficantes

 


Uma tortura em plena luz do dia, aconteceu na cidade de Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador (RMS), nesta última quarta (6). Duas mulheres espancadas por traficantes da região. Elas sofreram com chutes, pontapés, peradas e golpes de madeira. Uma delas infelizmente, não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo no local. Ana Cláudia Santos Neves tinha 42 anos. A outra vítima, que não teve a identidade revelada, foi socorrida e, segundo moradores, hospitalizada em uma unidade de saúde.  

O crime aconteceu na Rua da Pedrita, em plena luz do dia, em um campo de futebol, próximo ao Residencial Dona Lindú. As cenas das agressões foram gravadas e compartilhadas em grupos de WhatsApp do bairro. Nas imagens é possível ver três homens com pedaços de madeira atingindo a sobrevivente nas pernas, nádegas, braços e tórax. Ela recebe os golpes sem esboçar reação enquanto se recosta em um muro do que parece ser uma casa em construção. Em um determinado momento, a mulher se desequilibra ao ser atingida na perna direita. Durante a tortura, um quarto homem que grava a cena diz: “E aí, meu velho, vai fazer o quê mesmo? Estamos ‘dando pau’, quer ‘caçar ideia’”.  As agressões da mulher que acabou não resistindo aos ferimentos também foram gravadas.  

Em nota, a Polícia Civil informou que o corpo de Ana Cláudia foi encontrado com ferimentos na cabeça, possivelmente causados por pedradas e arma branca. “A Equipe apurou no local que a vítima trabalhava como prostituta, vendia drogas e já havia sido presa por tráfico em ocasiões diversas. Testemunhas informaram que ela teria relatado recentemente que possuía dívidas de drogas e que poderia ser morta por traficantes”, disse a comunicação do órgão. O caso está sendo investigado pela 27ª Delegacia Territorial do bairro de Itinga.