Gabriel faz acordo e paga R$ 110 mil para não ser processado após ida a cassino - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Gabriel faz acordo e paga R$ 110 mil para não ser processado após ida a cassino

Crédito: Reprodução

 O atacante Gabigol, do Flamengo, fez nesta segunda-feira um acordo com a Justiça 

de São Paulo e vai pagar R$ 110 mil após ser flagrado em um cassino clandestino na zona sul da Capital no dia 14 de março.

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) havia denunciado Gabigol por crime contra a saúde pública e pedia o pagamento de 100 salários mínimos (R$ 110 mil) ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD) pela infração penal. Com o acordo dessa segunda-feira, o processo foi encerrado. O acordo é um tipo de proposta feito pelo Ministério Público em casos de crime de menor potencial ofensivo, em que a pena mínima em caso de condenação seja igual ou menor a um ano.

Gabriel foi flagrado em um cassino, na Vila Olímpia, em uma operação de força-tarefa contra aglomerações durante a pandemia. Cerca de 200 pessoas estavam no local, entre elas o cantor de funk MC Gui. A polícia chegou ao endereço após denúncia.