Prefeito acusado de pedofilia em GO enviou pornografia e ofereceu carona, diz mãe de vítima - PORTAL FERRAZ E O POVO

Últimas notícias

Prefeito acusado de pedofilia em GO enviou pornografia e ofereceu carona, diz mãe de vítima

 

Servidora pública juntou provas de que filho era assediado sexualmente pela internet por Francisco de Assis Peixoto (PSDB), de São Simão

atualizado 30/07/2021 5:50

Prefeito preso pedofilia Sao Simao Goias

Goiânia – Em apenas dois dias, uma servidora pública de 39 anos reuniu provas que foram usadas para prender o prefeito Francisco Assis Peixoto (PSDB), de São Simão (GO), região sudoeste do estado. O filho dela de 15 anos foi abordado pelo político no WhatsApp. O prefeito mandou pornografia para o adolescente, fez chamada de vídeo em que exibiu as partes íntimas e ofereceu carona a ele. Pelo menos seis pessoas já fizeram denúncia formal.

Assis Peixoto foi preso de forma preventiva nesta quarta-feira (28/7), em Goiânia, por pedido do Ministério Público do Estado de Goiás (MPGO). O adolescente mostrou as mensagens que estava recebendo para a mãe, que ficou horrorizada e orientou que o conteúdo fosse guardado. Print-screens, gravações de videochamadas e o próprio celular do garoto foram entregues às autoridades.