Rádio Web Ferraz

RÁDIO WEB FERRAZ

Últimas notícias

Policiais e viaturas da PM usados em casamento da filha de coronel em Feira de Santana

 

O sábado (2) em Feira de Santana registrou uma considerável movimentação de policiais militares. Mas não foi para o combate à criminalidade. Por mais absurdo que pareça, os PMs foram designados para uma missão social, de fazer a segurança no casamento da filha de um coronel da corporação.

O Protagonista foi informado da “missão especial” ainda na tarde de sábado, por policiais militares revoltados. A reportagem do site chegou à igreja católica do Jardim Cruzeiro por volta de 17h30min, onde foi realizada a cerimômia religiosa. Lá, já estavam duas viaturas, sendo uma caminhonete e uma motocicleta do pelotão Asa Branca. Cinco policiais militares parados nas proximidades da igreja.

A reportagem permaneceu na praça em frente à igreja até por volta das 18h30 e os PMs seguiam em sua missão de dar segurança ao evento. Pior, ainda, aconteceu após a cerimônia religiosa. Já à noite, na casa de eventos Spazzio, na avenida Noide Cerqueira, o efetivo empregado foi bem maior.

Além de duas motocicletas e uma viatura da Companhia 66, um microônibus da Polícia Militar chegou à festa, conduzindo cadetes da PM, com suas fardas de gala. Já era por volta de 21h.

Durante todo o evento festivo, foi registrada a presença de viaturas e PMs do lado de fora da casa de shows, com a nítida motivação de dar segurança ao evento particular.

O coronel Adelmário Evangelista Xavier, pai da noiva, sabe bem que esta não é uma conduta normal. Afinal de contas, ele já foi comandante geral do Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL) da Polícia Militar em Feira de Santana.

Adelmário é um policial militar que frequenta bastante o noticiário das colunas sociais. Tem boa relação com o meio político. No casamento da filha, neste sábado, por exemplo, lá estavam o deputado federal Zé Neto e o vereador Professor Ivamberg, ambos do PT.

Enquanto policiais militares são empregados para dar segurança a eventos sociais particulares, como casamento da filha do coronel, Feira de Santana ocupa posição negativa como uma das cidades mais violentas do mundo. Em 2021 foram assassinadas 383 pessoas no município. Nos dois primeiros meses de 2022, Feira contabilizou 52 homicídios, sendo 23 em janeiro e 29 em fevereiro.

Em um município amendrontado pelo alto índice de violência, deslocar policiais e viaturas da PM para a segurança de um evento particular é um verdadeiro tapa na cara da sociedade. Esses homens e viaturas deveriam estar circulando pela cidade, cumprindo sua missão de zalar pela vida dos cidadãos feirenses.

FONTE: O Protagonista Fsa.